Mr. Romance, de Leisa Rayven

Max ficou secretamente conhecido em Nova York como Mr. Romance após criar um personagem (ou melhor, vários) para ajudar mulheres carentes, com baixa auto estima ou que apenas precisam de um amigo para conversar.

Por um alto preço, Max entra em suas vidas e lhes dá o que elas precisam, emocionalmente. Os serviços de acompanhante dele são bem procurados, e a identidade do homem que faz as mulheres da alta sociedade suspirar é secreta.

Eden, uma jornalista que não acredita em romance e sim em necessidades físicas, descobre o famoso Mr. Romance e está pronta para desmascarar o “canalha e vigarista” que se aproveita da fragilidade de mulheres ricas para roubá-las descaradamente.

“Resumindo, você acha que eu sou um golpista. Você acha que sou nojento e imoral. Mesmo que o que eu esteja fazendo não seja ilegal, você gostaria de me ver na cadeia por explorar mulheres ricas e solitárias.”

Após tentar se infiltrar no negócio de encontros do Mr. Romance e falhar miseravelmente, Eden se vê sem saída a não ser aceitar o acordo que Max propõe: entrar no jogo e ver exatamente o que ele oferece às suas clientes. Se após alguns encontros ela continuar achando o trabalho dele errado e imoral, ele concederá uma entrevista exclusiva para desmascará-lo.

“Todo nós precisamos de um pouco de fantasia. Em alguns momentos, acreditar que tudo pode ser diferente é a única coisa que nos mantém de pé.”

Contrariada, ela participa do jogo de sedução de Max e não só muda de ideia a respeito dele, como acaba entregando seu coração bem guardado à ele.

“Beijá-lo seria maravilhoso e terrível. Seria como ter um leão de estimação e começar a contar os dias até ele me devorar.”

A relutância de Eden é só o começo dos problemas dos dois. Será que esse novo amor é forte suficiente para Eden se declarar e aceitar o trabalho de Max? Será que Max consegue se apaixonar por uma única mulher após fazer tantas se apaixonarem por ele?

AMO O MAX DE PAIXÃO. Se Rush Finlay não fosse o meu favorito (ou seria o Andrew Parrish?), certeza que o Max seria.

Max é lindo e romântico. Homens, por favor, leiam e aprendam com o mestre!

“Todo mundo quer se sentir especial, a gente admitindo ou não. E amar sem limites, nos permitindo ser amados de volta, é o que dá sentido à vida. Ou, pelo menos, é o que deveria dar. Todo o resto só atrapalha.”

Mr Romance nos introduz às irmãs Tate, e nos prepara para o segundo livro no mesmo universo, Professor Feelgood. Max e o protagonista de Professor Feelgood são mestres do amor, então prepare-se para se apaixonar.

Comprar na Amazon

0 Comentários

Deixe o seu →

Deixe uma resposta